Ferramentas de Utilizador

Ferramentas de Site


Barra Lateral

Traduções para esta página?:
 



Servidor Debian 9 'Stretch'


Servidor Debian 6.0 Squeeze


pt:squeeze:intranet:antispam:spamassassin

Página desactualizada Esta página contém uma versão anterior deste guia que pode estar desatualizada. Para a consultar a versão mais recente clique aqui.

3.7.1 Spamassassin

Objectivo

Instalação do pacote anti-spam spamassassin. Este pode posteriormente ser integrado num sistema de filtragem de emails.

Instalação

root@server:~# aptitude install spamassassin spamc

As capacidades do spamassassin podem ser ampliadas com a instalação de plugins:

root@server:~# aptitude install razor pyzor

Configuração

A instalação por omissão não activa o daemon spamassassin. Para que este inicie automaticamente, deve ser alterado o ficheiro /etc/default/spamassassin:

/etc/default/spamassassin
# /etc/default/spamassassin
# Duncan Findlay

# WARNING: please read README.spamd before using.
# There may be security risks.

# Change to one to enable spamd
ENABLED=1

# [...]

E para que as regras de filtragem sejam actualizadas diariamente:

/etc/default/spamassassin
# [...]

# Cronjob
# Set to anything but 0 to enable the cron job to automatically update
# spamassassin's rules on a nightly basis
CRON=1

Reiniciar o serviço:

root@server:~# /etc/init.d/spamassassin restart

Verificação

No site do spamassassin, existe uma mensagem de teste que pode ser descarregada em http://spamassassin.apache.org/gtube/gtube.txt e utilizada para verificar a instalação. Basta descarregar essa mensagem e filtrar o seu conteúdo:

root@server:~$ wget http://spamassassin.apache.org/gtube/gtube.txt
root@server:~# spamc < gtube.txt
Received: from localhost by server.home.lan
        with SpamAssassin (version 3.3.1);
        Tue, 07 Dec 2010 15:54:23 +0000
From: Sender <sender@example.net>
To: Recipient <recipient@example.net>
Subject: Test spam mail (GTUBE)
Date: Wed, 23 Jul 2003 23:30:00 +0200
Message-Id: <GTUBE1.1010101@example.net>
X-Spam-Checker-Version: SpamAssassin 3.3.1 (2010-03-16) on server.home.lan
X-Spam-Flag: YES
X-Spam-Level: **************************************************
X-Spam-Status: Yes, score=1000.0 required=5.0 tests=GTUBE,NO_RECEIVED,
        NO_RELAYS autolearn=no version=3.3.1

# [...]

Os cabeçalhos X-Spam-Flag: YES, X-Spam-Status: Yes, score=1000.0 required=5.0 indicam claramente que a mensagem foi classificada como sendo spam e poderá ser filtrada em conformidade.

O ficheiro com a mensagem de teste pode agora ser apagado:

root@server:~# rm gtube.txt

Referências

pt/squeeze/intranet/antispam/spamassassin.txt · Esta página foi modificada pela última vez em: 2019-04-06 15:45 (Edição externa)

Ferramentas de Página