Ferramentas de Utilizador

Ferramentas de Site


Barra Lateral

Traduções para esta página?:
 



Servidor Debian 8 'Jessie'


Servidor Debian 5.0 Lenny


pt:lenny:internet:http:apache2_ssl

Página desactualizada Esta página contém uma versão anterior deste guia que pode estar desatualizada. Para a consultar a versão mais recente clique aqui.

4.1.2 Apache2 + Ssl

Objectivo

A adição do suporte ssl ao servidor web permite o restabelecimento de ligação seguras e encriptadas entre o servidor e o cliente. Deste modo, é possível trocar passwords, com a certeza que esta não será capturada por terceiros.

É assim possível usar as ligações seguras como base para a implementação de outros serviços como, por exemplo, um serviço webmail.

Configuração

Durante a instalação do apache2 é criada uma configuração para acesso seguro (https). No entanto, esta configuração deverá ser alterada para incluir os 3.5.1 Certificados Ssl Auto-Assinados gerados previamente. A configuração é guardada no ficheiro /etc/apache2/sites-available/default-ssl:

# [...]

        #   SSL Engine Switch:
        #   Enable/Disable SSL for this virtual host.
        SSLEngine on

        #   A self-signed (snakeoil) certificate can be created by installing
        #   the ssl-cert package. See
        #   /usr/share/doc/apache2.2-common/README.Debian.gz for more info.
        #   If both key and certificate are stored in the same file, only the
        #   SSLCertificateFile directive is needed.
        SSLCertificateFile     /etc/ssl/certs/server.crt
        SSLCertificateKeyFile  /etc/ssl/private/server.key.insecure

# [...]

Em seguida, deve ser activado o módulo ssl:

server:# a2enmod ssl
Enabling module ssl.
See /usr/share/doc/apache2.2-common/README.Debian.gz on how to configure SSL and create self-signed certificates.
Run '/etc/init.d/apache2 restart' to activate new configuration!

E o novo site também deve ser activado:

server:# a2ensite default-ssl
Enabling site default-ssl.
Run '/etc/init.d/apache2 reload' to activate new configuration!

Finalmente, reiniciar o serviço:

server:~# /etc/init.d/apache2 restart

Verificação

Num browser, inserir o endereço do servidor (https://192.168.1.100). Após o aviso sobre o certificado auto assinado, deverá aparecer uma página:

O Firefox alertará para a existência de um certificado auto-assinado que, obviamente, não poderá atestar. Para evitar este alerta no futuro, basta adicionar o certificado à lista de excepções do Firefox.

Referências

pt/lenny/internet/http/apache2_ssl.txt · Esta página foi modificada pela última vez em: 2015-04-29 22:10 (Edição externa)

Ferramentas de Página